domingo, 23 de junho de 2013







Minas é o que oculta.
Um segredo guardado, contado baixinho, ao pé de ouvidos seculares.
Minas é o que se esconde. Talvez sob o que escrevo.
O que haverá por debaixo dessas montanhas, além de mim e do que sinto?
Minas.                         

Minas é tudo que não vejo.

(Texto publicado originalmente no blog http://orelogioavariado.blogspot.com.br/ de Ozias Filho)